26.5.06


A Natureza Divina (as qualidades das pessoas de)
arnaldo antunes

Inexistência do medo
Purificação da vida
Compreensão transcendental
Caridade, autocontrole
Prática de sacrifícios
Estudo dos textos védicos
Austeridade, humildade
Não-violência, não irar-se
Desapego, gentileza
Veracidade, renúncia
não gostar de ver defeitos
Determinação, modéstia
Compaixão para com todas
(Inferno de Dante)
as entidades viventes
Estar livre da cobiça
Cordialidade, clemência
Vigor, pureza, limpeza
Não desejar ser honrado.

18.5.06

Sobre isso...é até engraçado...pego um livro agora...de uma amiga que faz psicologia...abro e começo a ler...

"Minha pessoa não é como um núcleo rígido dentro de mim ou uma pequena estátua permanente e fixa; pelo contrário, ser pessoa implica um processo dinâmico. Em outras palavras, se você me conheceu ontem, por favor, não pense que sou a mesma pessoa que você encontra hoje.
Experimentei mais da vida, encontrei novos sentimentos naqueles a quem amo, sofri, rezei, e estou diferente...
Aproxime-se de mim, então, com um senso de descoberta, estude minha face, minhas mãos, minha voz e procure pelos sinais de mudança: é certo que mudei. Mas, mesmo que você reconheça isso, posso estar um pouco temeroso de lhe dizer quem sou."

Livro: Por que tenho medo de lhe dizer quem sou? (John Powell, S.J.)

15.5.06

Moinha
tierro

Aquele sofrimento da subida na escada, ...
A longa escadaria que nos leva até o topo, ...
E a gente vai subindo devagar, ...
Eu nem sei se você sabe!
O quanto você me fez bem, me faz bem
Mas não me acuse de ser vago, como sempre me acusam!
Não há entendimento em um agradecimento?
Há no que digo algo qu permanece!
Não pode fluir para uma interpretação
Nem tudo é televisivo ou televisão
Algumas coisas são rios, e outras são lagoas ou mares
Algumas coisas são montanhas e outras profundos vales
Algumas coisas não possuem interpretação possível
Que ternura tenho por você!

Aquelas manhãs que nunca devíamos ter acordado
Sem perceber que a própria vida é um sonho
De borboletas que dormem nas densas selvas de Sumatra
E sonhando estamos nessa matrix
Jamais ouvi Bjork sem lembrar das pessoas que fazem a vida fazer sentido!
Quantos degraus ainda?

Aqueles dias em que uma cerveja gelada redime todos os pecados
Aqueles dias em que uma conversa sobre as almas que temos dentro de nós
São necessários esses dias!
São necessários?
Que dias memoráveis!
Estes são necessários.